Governador é sensível a causa, afirma Presidente do CERNIC

A presidente do Centro de Reabilitação Neurológica Infantil de Cacoal, Daniela Bianchini recebeu na manhã desta quarta-feira (09/08) alguns membros da imprensa cacoalense para falar da denúncia feita, por um pai de aluno, a um veiculo da imprensa sobre a deficiência no atendimento fisioterapêutico das crianças do CERNIC. Segundo ela, a situação já foi comunicada ao governador do Estado de Rondônia e tudo leva a crer que num curto espaço de tempo será resolvido.

Bianchini fez questão de ressaltar que acredita nas ações do governo do Estado e que este sempre cumpriu com sua palavra perante à Instituição. “Recentemente o governador fez uma visita ao CERNIC e ficou extremamente sensibilizado com as crianças. Naquela ocasião ele, nos garantiu que daria total assistência naquilo que for possível, pois reconhece o trabalho prestado pelos excelentes profissionais à sociedade cacoalense”, ressaltou a presidente.

Com relação à relotação para o Hospital Regional de Cacoal (RO) da fisioterapeuta que prestava serviço há doze anos ao CERNIC, a presidente Daniela Bianchini disse que deve ter ocorrido algum mal entendido, pois dada a maneira que o governador presenciou a excelência dos serviços oferecidos às crianças carentes, jamais compactuaria e tampouco iria interferir na cedência da profissional. “Ele é muito humano e diante de tudo que fora apresentado, tenho absoluta certeza que dentro de alguns dias teremos novamente essa fisioterapeuta, que tanto faz falta para as nossas crianças”, pontuou.

Atendimentos

O CERNIC possui 246 alunos. Desses, cerca de 80 possuem prescrição de fisioterapia, porém somente é possível atender 16, dada a ausência da fisioterapeuta que foi relotada. Em média, 24 crianças eram atendidas quando da existência das três fisioterapeutas, ou seja, 08 para cada profissional. Esse atendimento não pode ser considerado diário e sim permanente, pois a criança quando vem para fisioterapia nem sempre recebe alta. Na grande maioria elas continuam sendo observadas, devido o comprometimento neurológico. A título de informação, uma sessão particular desse profissional varia em torno de R$ 60,00 a R$ 80,00.

Pediasuit

Em breve o CERNIC também oferecerá aos seus alunos o protocolo pediasuit, que consiste numa abordagem terapêutica para pessoas com distúrbios neurológicos, como paralisia cerebral, atraso no desenvolvimento, lesões traumáticas cerebrais, autismo e outras condições que afetam o desenvolvimento motor e/ou as funções cognitivas.

Graças à ajuda da sociedade e demais autoridades do município e do Estado de Rondônia, o espaço encontra-se em fase final de acabamento, porém ainda será necessário adquirir o material de trabalho. Mas, pensando na qualidade do serviço, as três fisioterapeutas já se anteciparam e fizeram parte do curso específico para poder atuar nessa especialidade. O investimento nas profissionais tem sido custeado pelo CERNIC.

Fonte: Jornal Correio de Rondônia