Bazar está sendo promovido para pagar conta d’água de casa de apoio em Cacoal, RO

Um bazar beneficente está sendo promovido em Cacoal (RO), município a 480 quilômetros de Porto Velho, para ajudar na manutenção da casa de apoio Nova Esperança. De acordo com a diretora do espaço, Maria Aparecida Menegheti, a maior dificuldade que a administração vem enfrentando nesse momento é o pagamento da conta d’água. A dívida já se aproxima dos R$ 3 mil.

O bazar está sendo promovido na própria casa de apoio. As peças podem ser adquiridas no valor de R$ 0,50 a R$ 10, e não tem data para terminar.

A casa de apoio Nova Esperança recebe acompanhantes de pacientes que ficam internados no Hospital de Urgência e Emergência (Heuro), Hospital Regional de Cacoal e pacientes oncológicos que fazem tratamento no hospital de câncer São Daniel Comboni. Para ficar no espaço, não é cobrado nada, apenas R$ 5 para quem tem condições de contribuir.

“Essas pessoas podem vir para a casa de apoio, aqui elas serão atendidas com espaço para dormir, café da manhã, almoço, jantar, internet. Tudo que possamos oferecer. Quem pode, contribui com R$ 5 por dia, quem não pode, fica na casa do mesmo jeito”, afirmou Cidinha.

A manutenção mensal da casa chega aos R$ 7 mil. De acordo com a coordenadora, as dívidas são quitadas com o apoio da população, por meio de doações. Neste momento, a principal dificuldade da administração é pagar as contas de água que já estão atrasadas.

“Estamos com dois talões em atraso, sendo um de R$ 1.360 e outro de R$ 1.580. Já recebemos o aviso de corte e isso está nos preocupando bastante”, disse a diretora.

Neste mês, toda a renda arrecadada com a realização do bazar será revertida para o pagamento das contas de água.

“Pretendemos continuar com esse bazar até que tenhamos estoque de roupas, pois se não realizarmos essas ações não conseguimos pagar as nossas contas”, afirmou.

O bazar está sendo realizado na própria casa de apoio, localizada na rua Goiás, 1887, bairro Liberdade, das 8h as 20h. As pessoas também podem fazer doações de roupas, sapatos, bolsas, bijuterias, objetos em bom estado de conservação. O bazar não tem data para ser encerrado.

Fonte: G1