‘Ele viajava com toda a família porque iria fazer aniversário’, diz irmão de caminhoneiro morto na BR-364 em RO

Por G1 RO

Maely Souza, Sérgio de Jesus e a filha Karen morreram em acidente na BR-364 — Foto: Reginaldo de Jesus/Arquivo pessoal

  • O irmão do motorista, Reginaldo de Jesus Pereira, disse que o chefe de Sérgio havia liberado o caminhão para que ele levasse a esposa e os filhos no veículo para Goiás para comemorar o aniversário, e que não era comum ele andar com as crianças no veículo.
Colisão entre ônibus e carreta deixa vários feridos e mortos em Rondônia — Foto: Rômulo Azevedo/Arquivo Pessoal

Colisão entre ônibus e carreta deixa vários feridos e mortos em Rondônia — Foto: Rômulo Azevedo/Arquivo Pessoal

Como foi o acidente?

Um ônibus de passageiros da empresa Bruna Turismo, que seguia na BR-364 sentido Porto Velho, a serviço da Transbrasil, colidiu frontalmente com uma carreta na noite do último sábado (28) entre Vilhena (RO) e Pimenta Bueno (RO). Seis pessoas morreram e 26 ficaram feridas, incluindo seis crianças e duas grávidas.

Uma das vítimas fatais do acidente foi arremessada para fora do veículo junto com o banco do ônibus, onde estava sentada. De acordo com familiares, Maria Pereira da Costa, de 52 anos, estava usando o cinto de segurança no momento da colisão. Ela viajava para Porto Velho para passar o Ano Novo com a mãe.

Infográfico mostra local do acidente que matou seis pessoas na BR-364 em Rondônia — Foto: Rodrigo Sanches/G1

Infográfico mostra local do acidente que matou seis pessoas na BR-364 em Rondônia — Foto: Rodrigo Sanches/G1

Cerca de 60 pessoas participaram dos trabalhos no hospital para atendimento às vítimas, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e assistentes sociais.

G1 conversou por telefone com um funcionário da Transbrasil por volta das 13h15, mas ele não quis se manifestar sobre o acidente. Funcionários que foram até o local da colisão remover as bagagens dos passageiros também não falaram sobre o caso.

Frente de ônibus ficou destruída em colisão com carreta na BR-364 — Foto: Rômulo Azevedo/Arquivo Pessoal

Quem são os mortos

No ônibus

Luiz Carlos Amaro, 51 anos, motorista e dono da Bruna Turismo

Ademir Valério de Oliveira, 52 anos, motorista reserva do ônibus

Maria Pereira da Costa, 52 anos, passageira do ônibus

No caminhão

Sérgio de Jesus Pereira, 33 anos, motorista

Maely Souza, 20 anos, mulher do motorista

Karen 2 anos, filha do casal

Os sobreviventes

Dois filhos do motorista do caminhão estão internados em Vilhena. Adriel Diniz Pereira, de 5 anos, sofreu uma fratura no fêmur. Aquila Diniz Pereira, de 10 anos, teve uma perfuração no baço e está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em estado grave. A família aguarda liberação de um leito de UTI nos hospitais de Cacoal ou Porto Velho para transferência da menina.